Articulação de ônibus se rompe e viagem continua para passageiros não se atrasarem em Curitiba

Articulação de ônibus se rompe e viagem continua para passageiros não se atrasarem em Curitiba

24/07/2018 0 Por Notícias Portal InterBuss

• Com informações da Gazeta do Povo.




Os passageiros do ligeirão que faz a linha Pinheirinho/Carlos Gomes levaram um susto no início da manhã desta terça-feira (24) quando a parte sanfonada do veículo se rompeu, criando um vão no piso. E, apesar dos riscos, o coletivo seguiu viagem mesmo com a fenda aberta — principalmente porque muitas das pessoas a bordo não quiseram trocar de ônibus com medo de se atrasarem.

O incidente aconteceu por volta das 5h50 próximo à Linha Verde. De acordo com uma das passageiras, a operadora de atendimentos Lohane Caroline Ferraz, de 24 anos, o veículo seguia no sentido Centro quando passou por um desnível pouco antes de chegar à estação-tubo do Parolin e a estrutura se rompeu. “Fez um estalo e a gente viu que parte da área sanfonada cedeu”, conta. “Depois que o pessoal embarcou, o ônibus seguiu normalmente porque o motorista não tinha percebido o que aconteceu”, relata.

O impressionante, como aponta Lohane, é que os passageiros não queriam avisar o motorista que o ligeirão estava se partindo ao meio. “Eu estava logo atrás da sanfona e não conseguia passar por ali. Mas quem estava do outro lado não queria avisar com medo de se atrasar para o trabalho”, conta. Segundo ela, boa parte dos passageiros realmente ficou indiferente com a situação. “Todo mundo quer chegar rápido”.

A jovem diz que ainda seguiu por mais dois quilômetros com o ônibus rachado, quando desceu na estação-tubo Almirante Gonçalves. “E o ônibus continuou viagem normalmente depois disso”, diz.

De acordo com o Sindicato das Empresas de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Setransp), até as 10h20, ainda não havia sido emitida nenhuma notificação sobre o ocorrido.

Recolhido

Em nota, a prefeitura de Curitiba informa que o ônibus foi recolhido assim que o motorista foi avisado do problema, por volta de 6h15. Na garagem da empresa Sorriso, foi detectada a quebra da dobradiça da tampa do assoalho que dá acesso à parte interna da sanfona. “Nada estrutural do chassi, ou seja, jamais provocaria o desligamento de uma e outra parte do ônibus”, enfatiza o texto da prefeitura. O ônibus está sendo consertado e deveria voltar a circular ainda na terça-feira.