Ônibus fica no meio de fogo cruzado e motorista leva feridos a UPA no Rio de Janeiro

Ônibus fica no meio de fogo cruzado e motorista leva feridos a UPA no Rio de Janeiro

04/07/2019 0 Por Notícias Portal InterBuss

Era mais um dia normal para o vendedor de automóveis Marcos de Oliveira, de 25 anos. Na noite desta quarta-feira, ele voltava do trabalho para casa em um ônibus da linha 803 (Senador Camará x Taquara) quando o veículo parou para deixar uma passageira perto da estação de trem de Padre Miguel, na Zona Oeste, e “uma cena de filme de terror” começou. Dois homens vieram em direção à porta do coletivo e começaram a atirar contra um terceiro homem, que estava em um carro do outro lado do ônibus. Após o ocorrido, Marcos entrou em contato com o Whatsapp do Extra (21 99644 1263) para relatar a história.

— O ônibus estava lotado, todo mundo começou a se jogar no chão e se abaixar para se proteger. Eu estava logo atrás do motorista, um tiro passou bem do meu lado e quase o acertou — conta Marcos.

O vendedor relata que o motorista tentou arrancar com o ônibus, mas, pelo fato da porta estar aberta, o veículo não conseguia acelerar e duas pessoas ficaram feridas:

— Os dois se machucaram com os estilhaços de vidro que quebraram por causa dos tiros. Quando conseguimos sair, vários passageiros soltaram, e o motorista pediu para alguns ficarem, que ele ia levar os feridos à UPA de Senador Camará. Então, eu fiquei no ônibus para ajudar.

Em comentários nas redes sociais, o motorista do ônibus publicou: “Obrigado senhor por mais um livramento. Graças a Deus o barulho do projétil fez com que eu abaixasse a cabeça”.

Por nota, a Transportes Barra, empresa responsável pela linha 803, confirmou o ocorrido e lamentou o episódio de violência: “A empresa acompanha o caso e se colocou à disposição das autoridades para auxiliar no inquérito”.

As informações são do jornal Extra.