Ônibus da Viação Cometa bate na traseira de caminhão carregado de etanol e deixa 12 feridos

Ônibus da Viação Cometa bate na traseira de caminhão carregado de etanol e deixa 12 feridos

20/10/2019 0 Por Notícias Portal InterBuss

Um ônibus com 16 passageiros deixou 12 feridos ao bater na traseira de um caminhão carregado com combustível na Rodovia Anhanguera (SP-330), em Porto Ferreira (SP), por volta das 4h desta sexta-feira (18).

Segundo o Hospital Dona Balbina, 13 pessoas foram atendidas, sendo que uma delas era um familiar que foi até o local do acidente e passou mal. A assessoria de imprensa do hospital informou que oito vítimas já receberam alta. Três mulheres e um homem ainda estão internados.

A concessionária Intervias, que administra o trecho da rodovia, informou que o congestionamento na pista sentido capital chegou aos 10 km. Após quase 9h de trabalhos para controlar os riscos do local, a Polícia Rodoviária liberou uma faixa da pista para passagem de veículos.

Durante o congestionamento, alguns veículos de carga pesada fizeram o desvio por uma estrada de terra no km 231. Os veículos leves puderam passar pelo canteiro central.

O acidente

O acidente aconteceu no km 208 da Anhanguera. O ônibus da Viação Comenta saiu de Franca com destino a Campinas.

Segundo a Polícia Rodoviária, houve vazamento de cerca de cinco mil litros de etanol. Para evitar uma explosão, o Corpo de Bombeiros jogou espuma e isolou a área.

“Quando o tanque está cheio, ele tem menos risco de explosão do que quando está vazio, porque o que explode não é o líquido, é o gás que o líquido libera”, explicou o sargento Marcos Roberto Ferreira.

Às 6h, a equipe de uma empresa especializada começou o transbordo do combustível para outro caminhão. Ao final do trabalho, depositaram água no tanque para controlar os riscos.

A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) também foi chamada para avaliar os impactos no meio ambiente causados pelo vazamento.

Socorro

De acordo com a Polícia Rodoviária, a saída do ônibus ficou danificada e as vítimas foram socorridas pelas saídas de emergência. O motorista ficou preso nas ferragens e, com o impacto, uma das passageiras caiu sobre ele.

Segundo a assessoria de imprensa do hospital, uma das vítimas passou por cirurgia, mas ainda está em estado grave e será transferida para hospital especializado, que ainda não foi definido.

Outra vítima está em observação e ainda não se sabe se ela será operada. Outras duas pessoas já passaram por cirurgias e não tiveram complicações.

Em nota, a Viação Cometa lamentou o ocorrido e informou que está prestando assistência às vítimas.

A empresa reiterou que está apurando os fatos e se mantém à disposição das autoridades para esclarecimentos.

As informações são do G1.