• 30/10/2020

Vítimas de ônibus clandestino que tombou em Goiânia finalmente seguem viagem, agora em ônibus cedido pela ANTT

 Vítimas de ônibus clandestino que tombou em Goiânia finalmente seguem viagem, agora em ônibus cedido pela ANTT

As vítimas do ônibus clandestino que caiu de um viaduto seguiram viagem para São Paulo em ônibus disponibilizado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), na tarde desta terça-feira (29). De acordo com o coordenador de Áreas de Risco da Defesa Civil Cidicley Santana, 32 passageiros foram para São Paulo, enquanto outros seis continuam internadas em Goiânia.

A empresa responsável pelo transporte deles do Maranhão até São Paulo chegou a enviar um novo veículo irregular para transportar os passageiros depois do acidente.

O dono da empresa de ônibus, Francisco Anderson, disse que não teve tempo suficiente para arrumar todos os itens necessários. “Eu quis ajudar e arrumar um transporte o mais rápido possível. Coloquei para fazer a revisão e não deu tempo de fazer tudo”, disse.

Acidente

Ao todo, 49 pessoas seguiam em um ônibus que saiu de São Mateus do Maranhão com destino a São Paulo quando o motorista perdeu o controle e caiu de um viaduto em Goiânia na madrugada de domingo (27). Os feridos com menor gravidade e os que foram recebendo alta dos hospitais foram alojados no Ginásio Goiânia Arena.

Os passageiros contam que compraram as passagens de uma agência de turismo do Maranhão. O veículo foi alugado de outra empresa, mas segundo a polícia, ele era clandestino e não tinha autorização para fazer aquela linha.

Em nota, ANTT informou que o ônibus envolvido no acidente está sendo periciado. O outro veículo, enviado pela empresa, também não tinha autorização e foi apreendido.

Investigação

A polícia investiga as causas do acidente. Conforme a delegada Nilda Andrade, “por motivos ignorados”, o ônibus derivou pela direita, caiu do viaduto e bateu contra um poste de concreto. O motorista reserva, Silvio Silva, contou que um carro invadiu a pista e fez com que o motorista do ônibus perdesse o controle da direção.

O motorista que dirigia o veículo no momento do acidente, Samuel Alves de Oliveira, de 47 anos, chegou a fugir do local do acidente após a chegada do socorro. Ele disse que quis fugir do flagrante e ficou com medo de ser agredido pelos passageiros. O condutor afirmou ainda que foi fechado por um carro na rodovia. Na tarde de segunda-feira, ele prestou depoimento. Ele deve responder por homicídio culposo.

A polícia afirmou que ele estava com a Carteira Nacional de Habilitação vencida há mais de seis meses, não tinha o curso obrigatório para transportar passageiros, não tinha exame toxicológico, trafegava com veículo com tacógrafo vencido desde 2015 e sem cinto de segurança.

As informações são do G1.

Notícias Portal InterBuss

Leave a Reply


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/odc/portalinterbuss.com.br/wp-includes/functions.php on line 4670

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/odc/portalinterbuss.com.br/wp-content/plugins/really-simple-ssl/class-mixed-content-fixer.php on line 111